Siga e compartilhe

Após decapitação interna, médicos conseguem reconectar cabeça de bebê

Captura de Tela 2015-10-07 às 21.36.23

Uma história que tinha tudo para ter um final muito triste terminou de maneira feliz e emocionante graças à medicina. Se a vida do pequeno Jackson Taylor começou com um acidente, poderá daqui para frente ser normal como a de todas as outras crianças.

O pequeno australiano estava em um carro que acabou envolvido em um grave acidente e, com 1 ano e quatro meses de vida, sofreu uma luxação atlanto-occipital e teve duas vértebras do pescoço fraturadas após a tragédia.

O grande problema para o bebê é que o trauma que ele sofreu também é conhecido como decapitação interna. E, como o próprio nome sugere, consiste no rompimento de tecidos do pescoço que dão sustentação à cabeça. Ou seja, ele teve sua cabeça separada do resto do corpo internamente.

A situação de Jack foi bastante peculiar por um detalhe em especial. Os médicos afirmam ser um verdadeiro milagre o fato de que a medula espinhal da criança tenha ficado intocada após o acidente, o que lhe renderá a possibilidade de ter movimentos normais como os de qualquer pessoa quando

Ingredientes

noticiasereceitas.com



Gostou? Participe do nosso grupo e receba as melhores receitas culinárias e dicas caseiras clique e seja um membro: https://www.facebook.com/groups/noticiasereceitas/
Tags
Redes Sociais

Faça seu Comentário