Siga e compartilhe

Cura quântica: a saúde em seu estado mais sutil

Cura quântica a saúde em seu estado mais sutil

O urologista americano Eric Robins, de Los Angeles, pediu exames a uma paciente a fim de investigar a origem de um distúrbio.

Os resultados não acusaram nenhuma anomalia.

Ele optou, então, por um tratamento diferente dos oferecidos pela medicina convencional.

Disse a ela que se deitasse e, sem tocá-la, posicionou as mãos sobre o seu corpo aplicando uma sessão de cura prânica – hoje usada como terapia complementar em hospitais do mundo, como o Cedars Sinai Medical Center, em Los Angeles, e o Hospital das Clínicas de São Paulo.

“Uma congestão energética em alguns dos seus chacras causavam o mal-estar físico”, justifica ele na apresentação do livro Ciência da Cura Prânica (ed. Ground).

A harmonização dos chacras, centros de energia espalhados pelo corpo, é uma das atuações da técnica criada pelo filipino de ascendência chinesa Choa Kok Sui (1952-2007).

Apesar de ser engenheiro por formação, Choa era um grande estudioso do prana, palavra usada pelos indianos para designar “sopro da vida”, e de como era empregado para equilibrar o organismo. “Ele a criou baseado nessa antiga arte de curar por meio da energia. E a tornou conhecida a partir de 1987, quando lançou seu primeiro livro”, explica Ricardo Alves, instrutor sênior e proprietário da Uni Prana, espaço na capital paulista que oferece cursos e tratamentos de cura prânica.

O princípio dessa “ferramenta” de cura é que a raiz de todas as doenças está no corpo de energia invisível, ou seja, na nossa aura, e também nos canais de energia dentro do nosso corpo.

Só depois elas se manifestam no corpo físico. “Emoções, sentimentos e pensamentos negativos provocam excesso ou falta de energia nos chacras. Quando tudo é ajustado, a doença acaba”, diz a curadora prânica Livia França, do Instituto Pranaterapia, no Rio de Janeiro.

Livia explica que quando um paciente chega com uma dor, vício ou problema emocional, a primeira atitude é retirar a “energia suja” – que está causando o problema.

Depois da limpeza, leva-se a energia vital aos chacras e órgãos afetados. “Temos técnicas de absorção dessa energia vital limpa, que vem do sol, da terra e do ar, e usamos as mãos para absorvê-la e projetá-la”, fala Livia.

A prática se utiliza também de orações, banhos e exercícios corporais. Para esta reportagem, Ricardo sugeriu quatro técnicas indicadas para qualquer pessoa na solução de diversos problemas. “Quem quiser aprender todas as outras pode fazer cursos ou ler os livros”, diz ele.

01_rosa – Chacra coronário. Fica no topo da cabeça e atua no cérebro e na glândula pineal. Por onde nos ligamos a Deus.

02_azul – Chacra frontal. Está entre as sobrancelhas. Age nas glândulas pituitária e endócrina e na energia da intuição.

03_azul-claro – Chacra laríngeo. Fica na garganta. Cuida da glândula tireoide e da boa comunicação.

04_verde-claro – Chacra cardíaco. Situado no centro do peito, opera no coração, timo, na circulação e com a energia do amor.

05-amarelo – Chacra gástrico. Está no estômago. Zela por ele, pelo pâncreas e fígado. Digere o medo e a raiva.

06_laranja – Chacra esplênico. Fica entre os genitais e o umbigo. Atua na bexiga, pernas e nos órgãos e energias sexuais.

07-vermelho – Chacra básico. Está na base da coluna. Cuida das glândulas supra-renais e da energia da sobrevivência física.

Rituais da cura

Aprenda a harmonizar a sua aura e os seus chacras para ter mais tranquilidade e disposição no dia a dia

Ioga do supercérebro

Por que fazer: para estimular o cérebro.

Quantas vezes: duas vezes ao dia.

 Benefícios: contribui para a melhora da memória, do raciocínio e do aprendizado. Os chacras básico e esplênico são harmonizados, liberando maior energia para os chacras superiores, como o da garganta e o da coroa. Tudo isso favorece o fluxo energético criado no cérebro.

01-cura-quantica-a-saude-em-seu-estado-mais-sutil

Em pé, leve a mão esquerda até a orelha direita. Gentilmente, aperte o lóbulo com o polegar na parte de fora e o indicador na parte de dentro. Depois, cruze o braço direito sobre o esquerdo e aperte com a mão direita o lóbulo esquerdo, usando os dedos da mesma forma.

02-cura-quantica-a-saude-em-seu-estado-mais-sutil

Leve a língua ao céu da boca e mantenha as pernas ligeiramente afastadas – a abertura é um pouco maior do que a largura dos quadris.

03-cura-quantica-a-saude-em-seu-estado-mais-sutil

Agache inspirando e levante expirando. Repita 14 vezes (quem não puder agachar pode usar uma cadeira para se sentar enquanto abaixa).

Banho de água e sal

04-cura-quantica-a-saude-em-seu-estado-mais-sutil

Por que fazer: Para se livrar de sensações de desânimo, angústia, estresse, em momentos de muito cansaço ou quando estiver se sentindo energeticamente fraco.

Quantas vezes: Duas vezes por semana, no máximo.

Benefícios: Faz uma limpeza geral da aura e dos chacras.

Como fazer no chuveiro: ponha dez gotas de óleo essencial de lavanda em 1 quilo de sal fino. Esfregue a mistura no corpo molhado. Deixe-a agir por dois minutos e enxágue. Se tiver com alguma dor, esfregue o sal nessa parte do corpo durante dois minutos. Depois, tome seu banho.

Como fazer no Banheira: Misture 2 quilos de sal fino à água e, se quiser, acrescente dez gotas de óleo essencial de lavanda ou de melaleuca. Lave também a cabeça com essa água. Permaneça na banheira por 20 minutos.

Técnica do perdão

05-cura-quantica-a-saude-em-seu-estado-mais-sutil

Por que fazer: Para perdoar ou para ser perdoado.

Quantas vezes: Todos os dias até perceber a mudança.

Benefícios: Limpa os chacras gástrico, coronário e cardíaco.

Como fazer

1. Fique sozinho por cinco minutos.

2. Com os olhos fechados, imagine na sua frente a pessoa que magoou você ou a quem deseja pedir perdão.

3. Olhe-a nos olhos e diga mentalmente: namastê (“eu reconheço a divindade em você). 4. Depois, ainda em pensamento, diga a ela: “Você me fez sofrer (desabafe toda a sua dor), mas errar é humano e todos nós erramos. Eu perdoo você”. Se quiser pedir perdão, faça da seguinte forma: “Eu magoei você (diga o erro que cometeu), mas errar é humano e todos nós erramos. Eu peço o seu perdão. Por favor, me perdoe”.

5. Olhando-a nos olhos, repita seis vezes: “Eu perdoo você” ou, então, “me perdoe”.

6. Agora diga: “Namastê! Vá em paz! Om shanti, shanti, shanti, Om (este é o mantra que evoca a paz).

7. Para fnalizar, imagine a pessoa indo embora com tranquilidade.

Respiração prânica

Por que fazer: Para se sentir com mais energia no dia a dia.

Quantas vezes: Sempre que sentir necessidade. Faça a respiração por cinco minutos.

Benefícios: Harmoniza o chacra do plexo solar e acalma.

Como fazer: Inspire em seis tempos, segure em três, expire em seis e segure em três. Mantenha o mesmo ritmo em todo o processo.

Para não confundir

Reiki: também trabalha com o cura energética, mas somente quem faz o curso pode ser um aplicador de reiki. É quando se recebe a energia cósmica usada durante a aplicação. A técnica foi criada pelo japonês Mikao Usui (1865-1926).

Johrei: utiliza a canalização da energia universal com as mãos a fm de levar bem-estar ao paciente. Quando essa energia fui para ele, as ondas cerebrais beta, que sinalizam tensão, são substituídas por ondas alfa, evidenciando relaxamento. O japonês Mokiti Okada (1882–1955) é o seu inventor.

Ingredientes

Conheça mais sobre a cura prânica, antiga ciência de equilíbrio vital, e usufrua de quatro exercícios para manter seu corpo sadio e livre de toxinas energéticas



Gostou? Participe do nosso grupo e receba as melhores receitas culinárias e dicas caseiras clique e seja um membro: https://www.facebook.com/groups/noticiasereceitas/
Redes Sociais

Faça seu Comentário