Siga e compartilhe

Descubra qual o seu tipo de olheira para acabar com ela

Descubra qual o seu tipo de olheira para acabar com ela

Olheiras arroxeadas

As vascularizadas recebem esse nome porque são causadas pelo acúmulo de vasinhos na região da pele delicada e fina abaixo dos olhos – ou pela sua má circulação. São aquelas que surgem quando dormimos pouco ou estamos muito cansadas. Cigarro, excesso de sal na alimentação e rinite alérgica, por exemplo, pioram o quadro. 
 
Como tratar
“Os principais ativos para esse tipo de olheira são justamente os que melhoram a circulação local. Recomendo cafeína, vitaminas C e K e levedura de soja”, diz a dermatologista Carla Bortoloto, do Rio de Janeiro. Além disso, a médica conta que o truque de colocar um algodão com chá de camomila gelado sobre as pálpebras realmente funciona. “A camomila é anti-inflamatória e surte resultados nesse tipo de olheira, que é amenizada por algumas horas. Além disso, a baixa temperatura diminui o aporte sanguíneo para a região ao redor dos olhos, melhorando, também de forma temporária, o aspecto dos vasinhos sob a pele. É uma boa receita para colocar em prática antes de uma festa”, sugere. No entanto, para um tratamento efetivo e com melhor resultado, invista nos cremes, que devem ser usados com disciplina, aliados a tratamentos, como a luz intensa pulsada.

Olheiras marrons

Uma das causas desse tipo de olheira é o acúmulo de melanina na região, o pigmento responsável por dar cor à pele. Está bastante relacionada ao tom de pele (geralmente aparece nas morenas) e à etnia, como árabe, turca e hindu. 
 
Como tratar
Entre os ativos mais indicados para amenizar a coloração acastanhada, estão o arbutim e o ácido kójico. “Eles inibem a ação da tirosinase, uma enzima que produz a melanina”, explica a dermatologista Monica Aribi, de São Paulo. Em alguns casos, a cor castanha se deve ao excesso de outro tipo de pigmento, a hemossiderina. Isso é comum acontecer em olheiras de origem vascular, pois há um escape de células sanguíneas para fora dos vasos.

Os novos cremes

É preciso persistência, mas, se usados de maneira consistente, eles ajudam a clarear a região dos olhos e deixam a pele mais firme e luminosa.

1. Uniformizador anti-olheiras Pigmentclar, La Roche-Posay, R$ 129,90*. Para os dois tipos de olheira, reúne ingredientes de ação vasoconstritora e clareadora, como a cafeína e o ácido ferúlico.

2. Gel creme para olhos C-Supérieur, Roc, R$ 115*. Contém ativos que ajudam a clarear e iluminar a pele, como a vitamina C. Também ameniza sinais de cansaço e de envelhecimento.
 
3. Corretor de olheiras Even Better Eyes, Clinique, R$ 199*. A fórmula tem ativos clareadores, como a vitamina C e a raiz da amoreira. O aplicador de metal massageia a pele para melhorar a circulação.

1. Anti-Olheiras  Dark Circles Away, Dr. Brandt, R$ 270*. O sérum diminui a aparência de cansaço causada pela má circulação. Tem difusores óticos, que dão luminosidade.

2. Creme corrector Ibuki Eye, Shiseido, R$ 199*. Com extratos botânicos, é indicado para olheiras roxas, pois melhora a circulação. Diminui o inchaço da região abaixo dos olhos e ilumina a área graças a partículas refletoras de luz.
 
3. Clareador de Olheiras Agecare, Mantecorp, R$ 110*. O principal ingrediente é o Haloxyl, um ativo que ajuda a diminuir as olheiras causadas pela circulação congestionada dos vasinhos sob os olhos e pelo pigmento proveniente do ferro no sangue. Além disso, hidrata e estimula a produção de elastina para combater a flacidez.
 
 
*Preços pesquisados em agosto/2014

Ingredientes

Existem as roxas e as marrons e cada uma pede um tratamento diferente, seja em casa, usando cremes, seja no consultório. Confira.



Gostou? Participe do nosso grupo e receba as melhores receitas culinárias e dicas caseiras clique e seja um membro: https://www.facebook.com/groups/noticiasereceitas/
Redes Sociais

Faça seu Comentário