Siga e compartilhe

Dicas para evitar gravidez não planejada

Dicas para evitar gravidez não planejada

Ser mãe é o sonho de muitas mulheres, mas há também um grande número delas que engravidam sem estar preparadas para ter um filho. Por isso, saber como prevenir e planejar a gravidez é fundamental. “Infelizmente, as mulheres passam por essa situação após uma relação sem proteção e acabam mudando suas vidas para sempre. Para que não aconteça uma gravidez indesejada, é importante se prevenir com contraceptivos, como a pílula anticoncepcional, preservativos masculino ou feminino, adesivos cutâneos, implantes, contraceptivo injetável, DIU – dispositivo intrauterino – e, em caso de emergência, a pílula do dia seguinte.

Todos os métodos devem ter orientação e acompanhamento medico. Além disso, é importante que se faça um planejamento familiar antes de escolher trazer um filho ao mundo”, afirma o ginecologista e obstetra Alberto Jorge Guimarães.

O médico ressalta ainda que, independentemente da relação e do sentimento do casal, é fundamental usar sempre a camisinha, não só para prevenção da gravidez, mas também de doenças sexualmente transmissíveis (DTS). Ele alerta que essas doenças, além do alto risco de disseminação, podem ocasionar graves danos à saúde. “As consequências podem ser desde distúrbios emocionais, doença inflamatória pélvica (DIP), infertilidade, lesões fetais, até câncer, além de facilitar a transmissão do vírus da HIV e hepatite”, diz.

Ele afirma que todas as pessoas que têm relações sexuais estão sob risco e que a incidência das DST vem aumentando nos últimos anos. Esse aumento ocorre principalmente em consequência das baixas condições socioeconômicas e culturais, das péssimas atuações dos serviços de saúde, do despreparo dos profissionais de saúde e de educação, e da falta de uma abordagem mais adequada, principalmente voltada para os jovens. “Hoje, as DST estão entre as doenças mais comuns em todo o mundo”, afirma. Segundo o médico, a maioria delas pode ser diagnosticada por um exame clínico realizado pelo médico, exames de sangue e culturas de secreções das áreas genitais, que identificam o agente causador da doença.

Como se prevenir das DSTs:

– Use sempre a camisinha e também gel de lubrificação íntima, pois diminuem o risco de ruptura do preservativo

– Use espermicida (nonoxinol-9) juntamente com as camisinhas – o espermicida pode ajudar a matar alguns dos germes que causam as DSTs;

– Lave os genitais com água e sabão e urine logo após a relação sexual – isso pode ajudar a limpar germes (caso existam), antes que eles tenham a chance de infectá-lo(a);

– Limite o número de parceiros(as) sexuais – quanto maior o número, maior o risco que você se contaminar ou disseminar uma infecção da qual você seja o portador;

– Procure por sinais de DSTs em seu parceiro(a) – verrugas, secreções, lesões de pele, etc;

– Não tenha relações sexuais se você está em tratamento para uma DST.

Ingredientes

Usar métodos contraceptivos é fundamental.



Gostou? Participe do nosso grupo e receba as melhores receitas culinárias e dicas caseiras clique e seja um membro: https://www.facebook.com/groups/noticiasereceitas/
Redes Sociais

Faça seu Comentário